Diagnóstico para o Centro de Eficiência em Sustentabilidade Urbana de Teresina

Diagnóstico Teresina CESU.png

2021

Elaboração de diagnóstico do Município de Teresina, Piauí, no âmbito do projeto piloto do Centro de Eficiência em Sustentabilidade Urbana - CESU Teresina.

 

Teresina será um dos primeiros municípios brasileiros a hospedar um Centro de Eficiência em Sustentabilidade Urbana - CESU.

 

O propósito do diagnóstico é disponibilizar para a equipe responsável pela implantação do CESU e demais atores envolvidos no projeto um panorama da cidade de Teresina na forma de um diagnóstico que contempla a situação atual das dimensões de cidade inteligente e sustentável, o mapeamento de atores e ecossistema local e o desenvolvimento de estratégias para reduzir ameaças e aproveitar oportunidades encontradas em Teresina.

Com essas informações, as ações adotadas dentro do escopo do CESU serão adequadas às prioridades e necessidades locais e à disponibilidade de recursos, tecnologias e infraestrutura da cidade.

mapeamento de atores

Projetos complexos costumam ter diversos grupos envolvidos, muitas vezes com interesses conflitantes. A matriz de influência e interesse é uma ferramenta que oferece a representação dos atores envolvidos em um projeto, tendo como objetivo compreender os papéis desempenhados por cada um.  A distribuição dos diferentes atores ao longo do gráfico permite definir a melhor estratégia de relacionamento a ser adotada, em uma das quatro abordagens a seguir:

▪️ INFORMAR: Têm um forte interesse no projeto mas pouco poder para influenciar nas decisões tomadas acerca dele. Para envolvê-los, é importante antecipar suas necessidades, por meio de processos de cocriação e consultas prévias, e mantê-los informados para garantir que continuem engajados.

▪️GERIR DE PERTO: São os atores-chave do projeto, com forte interesse e influência nos resultados a serem alcançados. É importante construir com eles um relacionamento próximo e garantir que mantenham o interesse.

▪️MOBILIZAR e/ou MANTER SATISFEITO: Exercem grande influência mas não estão ativamente engajados no projeto. Seus objetivos devem ser considerados e eles devem ser mantidos satisfeitos para garantir que continuem advogando pelo sucesso do projeto. Ignorar sua participação pode configurar um risco.

▪️MONITORAR: São atores periféricos ao projeto. É importante monitorar sua atividade periodicamente, pois sua relevância pode mudar com o passar do tempo.

Captura de Tela 2022-11-03 às 18.23.53.png
Captura de Tela 2022-11-03 às 18.23.56.png

Integram o diagnóstico:

  • a caracterização do município de Teresina, que consiste em um diagnóstico territorial organizado em seções conforme as dimensões das cidades inteligentes;

  • um conjunto de indicadores multidimensionais elaborados de acordo com as normas ABNT NBR ISO 37120 e 37122, da ABNT;

  • mapeamento de mais de 400 atores e sua respectiva caracterização de acordo com seu nível de interesse e influência na implementação e operação do CESU;

  • mapeamento do ecossistema de atuação do CESU;

  • síntese das 14 entrevistas semi-estruturadas realizadas com atores locais, regionais e nacionais;

  • análise estratégica de forças, oportunidades, fraquezas, ameaças do projeto de implementação do CESU; 

  • apresentação de recomendações nos temas governança e gestão, mapeamento de atores e de ecossistema e monitoramento de indicadores.

equipe:

Camila Bellaver Alberti - arquiteta e urbanista

Joana Bispo - arquiteta e urbanista
Luiza Senna - desenvolvedora de software

Mariana Fiúza - arquiteta e urbanista
Mariana Mincarone - arquiteta e urbanista

Naelle Galvão - acadêmica em arquitetura e urbanismo

cliente:

Universidade Federal do Piauí (UFPI) + CNPq